IFS: ERP-in-a-box e no Azure

08 de outubro de 2014

IFS: ERP-in-a-box e no Azure

Fonte: Baguete

Leandro Souza // terça, 30/09/2014 14:10

IFS, desenvolvedora sueca de ERP especializada no segmento de utilites, aproveitou o Oracle Open World para lançar suas soluções de ERP in-a-box e compatibilidade com a nuvem Azure, da Microsoft.

David Eager

A oferta do IFS-in-a-box consiste na venda do IFS Applications já pré-instalado em configurado em banco de dados Oracle. Segundo a companhia européia, o objetivo com a oferta é atrair empresas que desejam ampliar sua capacidade e número de usuários do IFS Applications, mantendo o custo total de propriedade baixo.

Segundo Dan Matthews, diretor de tecnologia da IFS, a nova solução também serve para organizações com operações de missão crítica que precisam de alta disponibilidade dos ambientes de TI, pois oferece uma maneira de configurar ambientes redundantes, usando templates já fornecidos previamente pela Oracle.

“Por isso, é possível instalar e configurar em um tempo significativamente melhor, um ambiente agrupado de banco de dados, incluindo banco de dados Oracle e o armazenamento agrupado para o IFS Applications. Ambientes para aplicações e carregamento balanceado de servidores também podem ser instalados e configurados em cerca de uma semana”, frisa.

Para Mark Boulton, chefe executivo de marketing da companhia, a solução é voltada à empresas com ambientes de missão crítica a partir de 500 funcionários e com necessidade de alta escabilidade.

“Setores como o de óleo e gás, que sabemos que tem um grande potencial no Brasil, é um foco natural com esta nova solução. América Latina é um grande foco de crescimento para nós, e foi por isso que adquirimos nossa revenda na região”, afirmou Boulton, fazendo referência à aquisição da Latin IFS, master reseller da companhia no Brasil e responsável pelas operações existentes na América Latina, em 2011.

Quanto à oferta em Azure, o pacote completo do IFS Applications, incluindo todo o sistema de gestão empresarial (ERP), a gestão de ativos (EAM) e módulos de gestão de serviços (ESM), pode ser executado agora na nuvem da Microsoft.

O IFS Applications em Azure abrange desde o formato de infraestrutura como serviço (Infrastructure as a Service – IaaS) ou com o IFS Applications hospedado e gerenciado como um serviço (Software as a Service – SaaS).

A oferta de IaaS já está disponível e a oferta de SaaS, incluindo tanto os serviços técnicos e aplicativos gerenciados, será lançado nos próximos seis meses.

Para Boulton, a colaboração com a Microsoft é uma manobra para alinhar a oferta às necessidades dos clientes, com agilidade e possibilidade dos clientes implantarem rapidamente novas capacidades ou estender o uso do IFS Applications para novos mercados.

David Eager, diretor de alianças estratégicas da IFS na América do Norte, destaca que a solução está disponível globalmente e deve cumprir um papel importante no crescimento geral da companhia, assim como na América Latina.

“Temos uma oferta bastante atraente para o Brasil, já que a Microsoft possui um data center local. É uma grande oportunidade”, completa o executivo.

No Brasil, a IFS está presente nos segmentos de óleo e gás, de aviação e de energia elétrica, contando com mais de 100 clientes no cenário nacional. Em nível mundial, a empresa tem 2,1 mil clientes em 60 países.

* Leandro Souza viajou para o Oracle Open World a convite da Oracle.